terça-feira, 5 de maio de 2009

ANIMAIS E VIOLÊNCIA


Qual a relação entre maus-tratos e crueldades para com os animais e a violência doméstica? Existe um elo entre eles?
Não é de hoje que pesquisas comprovam a ligação entre a violência doméstica e a violência contra os animais de estimação, esta última servindo como sinal de alerta para a possível existência da violência contra seres humanos mais fragilizados no contexto familiar, como no caso de crianças, idosos e mulheres. Mas também a crueldade contra os animais está presente como uma característica comum nos registros de estupradores e asssassinos em série. O abuso contra animais aparece de forma clara nas histórias de pessoas com comportamento violento.
Diogo

2 comentários:

Paula Domingos disse...

Olá, deixo aqui um site onde podem ser consultados os direitos dos animais www.animal.org.pt, aqui podem consultar os locais onde se pode e deve denunciar casos de maus tratos. Se conheceres alguma situação de animais que sejam maltratados pelos donos ou por outras pessoas, DENUNCIA...É um dever de todos nós. Beijinhos Paula

Anônimo disse...

e iss9o mesmo diogo nos temos que dar valor aos caes

miau...miau...

Ocorreu um erro neste gadget

National Geographic POD

Endangered Animal of the Day

Ocorreu um erro neste gadget

Direito à imagem

DIREITO À IMAGEM (Artigo 79º)
Artigo 79.º (Direito à imagem)1- O retrato de uma pessoa não pode ser exposto, reproduzido ou lançado no comércio sem o consentimento dela; depois da morte da pessoa retratada, a autorização compete às pessoas designadas no n.º2 do artigo 71.º, segundo a ordem nele indicada.2- Não é necessário o consentimento da pessoa retratada quando assim o justifiquem a sua notoriedade, o cargo que desempenhe, exigências de polícia ou de justiça, finalidades científicas, didácticas ou culturais, ou quando a reprodução da imagem vier enquadrada na de lugares públicos, ou na de factos de interesse público ou que hajam decorrido publicamente.3- O retrato não pode, porém, ser reproduzido, exposto ou lançado no comércio, se do facto resultar prejuízo para a honra, reputação ou simples decoro da pessoa retratada.in
http://www.aacs.pt/legislacao/codigo_civil.htm