quarta-feira, 1 de abril de 2009

RECIFES DE CORAL

Recifes de coral
Os recifes de coral só existem em águas salgadas, claras e quentes. Foram sendo formados por milhões de animaizinhos ao longo de muitos e muitos anos. Ainda continuam em formação. Milhares de outros animais vivem neles e à sua volta.
Construtores de recifes
Os animais que formam os recifes, chamados pólipos coralinos, são como pequenas anémonas-do-mar. Cada um desenvolve o seu esqueleto de pólipos mortos, só a camada exterior está viva.
Recifes em perigo
Os recifes crescem lentamente. Muitos são destruídos para vender o coral aos turistas. Os habitantes locais usam-no na construção. Os recifes são formados pelos pólipos que habitam à superfície exterior. Precisam de muita luz. Em águas pouco profundas, um recife danificado pode recuperar se novos pólipos povoarem a zona danificada, mas morre por falta de luz em águas profundas.

Caty Karol

Um comentário:

5ºD disse...

Olá manas! É sempre um prazer saber que há alguém cuida deste blogue... Será que posso pôr aqui uma imagenzita a propósito do vosso post? Não o quero fazer sem a vossa autorização! Boas férias! Um segredo: tiveram boas notas!
Beijinhos
I.S.

miau...miau...

Ocorreu um erro neste gadget

National Geographic POD

Endangered Animal of the Day

Ocorreu um erro neste gadget

Direito à imagem

DIREITO À IMAGEM (Artigo 79º)
Artigo 79.º (Direito à imagem)1- O retrato de uma pessoa não pode ser exposto, reproduzido ou lançado no comércio sem o consentimento dela; depois da morte da pessoa retratada, a autorização compete às pessoas designadas no n.º2 do artigo 71.º, segundo a ordem nele indicada.2- Não é necessário o consentimento da pessoa retratada quando assim o justifiquem a sua notoriedade, o cargo que desempenhe, exigências de polícia ou de justiça, finalidades científicas, didácticas ou culturais, ou quando a reprodução da imagem vier enquadrada na de lugares públicos, ou na de factos de interesse público ou que hajam decorrido publicamente.3- O retrato não pode, porém, ser reproduzido, exposto ou lançado no comércio, se do facto resultar prejuízo para a honra, reputação ou simples decoro da pessoa retratada.in
http://www.aacs.pt/legislacao/codigo_civil.htm